Blog 2Share

Segunda Casa: vale a pena ter uma?

segunda casa vale a pena comprar

Quem nunca sonhou em ter uma casa à beira-mar? Ou no topo de uma montanha?

Para aqueles que costumam passar as férias de verão ou inverno longe de sua cidade natal, comprar uma segunda residência é algo bem considerável. 

Caso você já tenha pensado nessa possibilidade, existem questões importantes a serem avaliadas antes de comprar este tipo de propriedade. 

Desde que seja bem planejada, há casos em que a negociação realmente pode trazer ganhos pessoais, familiares e financeiros. Mas é importante se atentar também às possíveis complicações.

Motivos para comprar um segundo imóvel

A segunda casa pode vir com muitas regalias, como poder ter uma propriedade só sua.

Não há dúvidas: possuir uma casa de praia tornaria as viagens em família mais convenientes.

Isso porque você e sua família não precisam procurar por hospedagens ou depender da sorte para achar aluguéis com preços bacanas, além de encontrar o imóvel ideal para o conforto das férias. 

Além disso, o fato de a propriedade ser sua permite desfrutar das férias em um espaço sem determinadas limitações. Isso te dá a oportunidade de customizar o imóvel como bem desejar, garantindo assim mais flexibilidade para renovações.

Afinal, não é uma casa qualquer: é nela onde você constrói lembranças com a sua família e amigos! Sendo assim, o espaço merece ser construído e decorado com carinho.

Renda extra

Ao comprar um imóvel de férias, existe a possibilidade de ganhar dinheiro alugando-o quando você mesmo não a estiver usando.

Essa é uma prática tradicional no mercado turístico e apresenta boas taxas de retorno na maioria das vezes — mas exige cuidado na escolha da casa, pois isso afetará diretamente as chances de ganho com ela.

Considere estudar os valores cobrados em média na mesma região em imóveis semelhantes. Assim, você conclui maneiras eficazes de valorizar o imóvel para que possa aumentar o seu rendimento a cada aluguel.

Além disso, existe a possibilidade de, posteriormente- quando o interesse não for mais o mesmo-, vender o imóvel. Isso faz com que o dinheiro investido na compra da casa retorne de maneira considerável para sua conta, caso essa venda seja devidamente planejada e executada.

Tudo exige pesquisa, cautela e planejamento.

Comprar um imóvel pela segunda vez: será que chegou a hora?

Não é novidade para ninguém que tomar a decisão de adquirir qualquer imóvel exige bastante responsabilidade.

Investir em uma segunda casa demanda uma verdadeira vontade, necessidade e capacidade, entendendo as complexidades que acompanham esta decisão.

Caso essas questões estejam sanadas e bem decididas, então chegou a hora de começar a pesquisar, se informar e avaliar as melhores maneiras de tornar esse sonho realidade.

Etapas para comprar a segunda casa ideal

Primeiramente, é imprescindível avaliar todos os custos envolvidos. É importante ter certeza de que você não vai deixar nenhum dinheiro na mesa! Afinal, muitas pessoas compram uma propriedade sem perceber quantas despesas estão associadas com a posse de uma.

Após ter ciência do nível de investimento envolvido, é hora de avaliar sua vida financeira e perceber se é plausível executar esse sonho.

Caso a resposta seja não, lembre-se que ainda existe a possibilidade de alugar casas de férias. Nós mostramos nesse artigo que tudo depende do contexto financeiro e familiar que você está inserido. 

Optar em alugar ou comprar o imóvel vai depender dos objetivos da sua família e do estilo que você quer para as suas férias. Independentemente de você comprar ou alugar uma casa de praia, é importante que você sempre se planeje para essa aquisição.

01) Localização

Clima tropical, cidade grande, natureza, relaxamento, ar puro, cultura, praia, neve, montanhas, diversão… Avalie exatamente o que você e sua família gostariam de experienciar.

Tenha em mente que, dependendo de onde sua segunda casa estiver localizada, ela poderá ser passível de impostos mais altos ou maiores custos de manutenção.

Lugares que oferecem uma infraestrutura completa, tanto na moradia (mobiliada) quanto nos seus arredores, garantem mais conforto e segurança.

Pesquise se a região oferece mercados, padarias, centros médicos, bombeiros, farmácias… e tudo mais que você achar necessário ou importante.

Além disso, para ser bastante desfrutada, a segunda casa deve ser perto o suficiente para passar o final de semana, de modo que a viagem até o local não demande muitas horas. Caso contrário, o deslocamento já torna a viagem cansativa, uma vez que se passaria menos horas relaxando e mais horas se desgastando na estrada.

02) Tipo de Casa ou Apartamento

A escolha do tipo de segundo imóvel vai depender de suas intenções com ele.

Muitas pessoas optam por adquiri-la para fins de investimento, outras para simplesmente curtir boas férias. Qual seria SUA finalidade? Sua resposta afetará diretamente no tipo e na localização do imóvel.

Se a resposta for “para fins de investimento”: some a hipoteca, a manutenção e outras despesas e, em seguida, subtraia-as do aluguel mensal que espera receber. Pesquise com precisão os aluguéis de mercado atuais em áreas semelhantes à sua. Certifique-se de que nenhum possível dano do inquilino irá corroer todo o seu lucro, ou se o imóvel ficar desocupado por alguns meses, você não se arriscará.

Por outro lado, se seu único desejo for construir memórias de férias com sua família, pense sobre as seguintes possibilidades:

1. Casa: Oferece flexibilidade nos horários em relação barulho e cômodos mais espaçosos/ confortáveis.

2. Apartamento: Geralmente oferece custos mais acessíveis e ambientes externos de lazer, como:  piscinas, academias de ginástica, churrasqueiras comunitárias, estacionamento e serviços de segurança.

3. Condomínio (de casas ou apartamentos): Estilo de vida fechado com mais comodidades, menos trabalho com manutenções e mais segurança quando os proprietários estão longe de sua segunda casa.

03) Sua faixa de preço

Conheça a faixa de preço ideal para sua casa. Essa é uma etapa importante do processo pois muitas pessoas, ao ficarem maravilhados com as incríveis possibilidades de imóveis, perdem a cabeça na hora de disponibilizar o investimento.

Por isso, é aconselhável que, antes de tomar qualquer decisão de escolha da casa ou apartamento, você tenha em mente o valor máximo que está disposto a pagar.

Além da faixa de preço do imóvel, lembre-se de que comprar uma casa de férias exige também gastos com a manutenção.

Considere que casas e apartamentos de férias no litoral, por exemplo, podem te levar a complicações e desvantagens financeiras. Isso pois, existem despesas fixas durante todos os meses, dentre elas, água, energia, condomínio, etc.

 A soma de pagamentos de várias despesas fixas, como seguro e outras variáveis de manutenção, podem te levar a sérios problemas financeiros se não forem cuidadosamente planejadas.

04) Férias em família

Possuir uma casa de férias é um desejo que faz sentido, pois você e sua família não precisarão se preocupar com hotel, além de possuírem um cantinho que combina com vocês.

Independente do seu destino preferido, nos dias de hoje, é comum que as famílias tenham uma segunda casa. Ou seja, que realmente possuam uma propriedade exclusivamente para passar as férias.

Maneiras de ter um segundo imóvel

Toda decisão que envolve dinheiro requer planejamento. Portanto, suas principais tarefas são organizar as finanças e fazer as contas para que você não apenas compre a propriedade, mas também tenha certeza de que vale cada centavo!

Sentimos muito se isso soa muito básico – mas sabemos que muitas pessoas podem não realizar um planejamento adequado e agir por impulso.

Nessa decisão sem pensar, podem contratar um financiamento ou até mesmo gastar toda a sua reserva de emergência.

Escolha o tipo de parcelamento e estude todas as opções que o mercado oferece. Inclusive, existem ainda outras formas de você comprar a sua casa de praia e não se preocupar tanto com a administração do imóvel.

01) Financiamento

Muitas famílias optam por financiar a segunda casa.

Nesse caso, vale se atentar sobre as taxas de juros e o valor de pagamento da hipoteca (mais impostos) que podem afetar de maneira significativa o valor final da compra, mais do que sua venda futura.

02) Multipropriedade

E se fosse possível ter a casa de praia do jeito que a sua família deseja e ainda em um local de alto luxo, pagando pouco por isso?

Entre obter a casa própria ou uma multipropriedade, a segunda é com certeza a melhor opção. Compartilhar é valorizar tudo o que é precioso para você.

O sistema de multipropriedade funciona assim: você compra frações (cotas) de um apartamento conosco de acordo com a quantidade de semanas que deseja usar durante o ano, e essas frações são suas pra sempre!            

O conceito surgiu nos Estados Unidos e Europa e vem ganhando muita força no Brasil.                                                 

As frações são bens, como qualquer outro, que compõem seu patrimônio, com escritura e registro imobiliário, podendo inclusive serem herdadas pelos seus filhos, vendidas, ou disponibilizadas para locação no nosso sistema.                                                            

O valor das frações depende do apartamento que você optar.

Além disso, caso em algum ano você não tenha o interesse de usufruir do apartamento, você pode trocar suas semanas por créditos de hospedagens em mais de 4 mil destinos de férias, por meio da RCI, a maior intercambiadora de viagens do mundo- nossa parceira.

Como a multipropriedade pode ajudar você a ter sua segunda casa

Obter uma fração imobiliária garante vantagens incomparáveis como:

  • O custo de aquisição é bem menor que o de um imóvel tradicional;
  • Os custos fixos do imóvel são proporcionais ao seu uso;
  • As despesas de manutenção são divididas entre os proprietários;
  • Estrutura, serviços e o conforto dos melhores hotéis e resorts do mundo;
  • Com a sua fração, você pode conhecer mais de 100 países, se hospedando em 4.000 hotéis e resorts incríveis pelo mundo;
  • As cotas compõem seu patrimônio para sempre! Com escritura e registro imobiliário, elas podem ser herdadas pelos seus filhos, vendidas, ou disponibilizadas para locação no pool. 

Uma maneira inteligente de garantir uma propriedade de maneira mais sustentável.

Ou seja, a multipropriedade é a forma mais racional, acessível, prática e econômica para se ter uma casa de férias.

Você e sua família merecem garantir suas férias para o resto da vida conosco.

Nós da 2Share comercializamos empreendimentos de alto padrão no modelo de multipropriedade.

Como exemplos temos o Residence Club at the Hard Rock Hotel Fortaleza e Ilha do Sol. E se você gosta de um clima mais frio, temos o Golden Tulip Canela, na maravilhosa Serra Gaúcha. Que tal? Saiba mais sobre os nossos empreendimentos!

2Share Multipropriedades

A 2Share é uma máquina de vendas digital, que tem como objetivo levar o seu negócio a outro nível.

Uma empresa que atua com Planejamento Estratégico, Gestão de Tráfego, Captação e Qualificação de Leads, Assessoria de Marketing e muito mais para que as marcas parceiras tenham melhores desempenhos nas vendas.

Quer ter acesso a materiais gratuitos?

JUNTE-SE A MAIS DE 50.000 PESSOAS.

Entre para nossa lista e receba conteúdos exclusivos e com prioridade.

Deixar um comentário